28 janeiro 2006

Luís Monteiro da Cunha

Quem sou eu!?

Imagem: Bufagato

Quem és tu? Perguntas!
Amuo, e não respondo.

Bate-me fundo a questão…
E passo a perguntar-me…
Se me conheço tão profundo
Que na razão possa mostrar-me
Sem originar discussão!

Quem sou afinal!?
Serei pessoa decente…
Ou apenas humano carente
Que tem alma e sente
Um carinho especial?

Serei grão de areia deste abismo
Que se perde por um cadilho
Sem ermo, num simples esmo
Derivante, na galáxia do sofismo!

Quem sou!?
Serei uma migalha de gente…
Mas convicto do que sente!

Num sentir em tudo diferente
Sem que seja indiferente…
Ao que se passa no presente

E ouve o coração, que não mente
E tudo… pressente!

Serei, apenas alguém…
Que não sabe, nem quer
Estar incólume na vida, sem sofrer
A dor de amar, mesmo no desdém!

E nessa dor maior, querer
Da vida que se exala, renascida
Tudo apreender, no aprender
Em cada amanhecer, da noite vencida!

Tenho tanto para ser…
E não sou o que posso… querer!

Que serei eu!?
Não sei dizer-me!
Um dia… hei-de conhecer-me…
Saberei então… que(m) sou…

Apenas… “EU”! (s.m.)


Posted by: lmc

24 Comentários:

Às 28/1/06 21:34 , Blogger A .Carlos disse...

Olá Amigo,
neste Sábado friorento, venho desejar-te um bom e quentinho fim de semana
....E....quem és tu??
És , um bom Amigo!!
Abraços
:)

 
Às 28/1/06 22:22 , Blogger lena disse...

quem és tu?

alguém especial a quem gosto de chamar amigo, mesmo só te conhecendo pelas palavras que nos deixas nos teus poemas e em tudo o que partilhas

beijinhos muitos para ti

 
Às 28/1/06 22:41 , Anonymous Anónimo disse...

Pois eu, sou eu... não sou grande coisa mas sou eu... Espero que venhas a saber que tu és tu, sejas lá como sejas, sejas lá o que sejas, não tenhas dúvidas de que és tu... oubiste, ó afilhado?... Bom fim de Semana!... Pega-se, não pega?... ihihihihihih. bjos.

 
Às 28/1/06 23:01 , Blogger menina graça disse...

Interrogamo-nos sempre, não é? É sinal de que estamos vivos e pensamos. :)

 
Às 28/1/06 23:35 , Blogger António disse...

Quem sou eu?
Foi a pergunta que a ti fizeste.
É pergunta que todos fazemos a nós mesmos.
E por mais certezas que tenhamos hoje, ainda mais dúvidas teremos amanhã.
Quem sou eu?
Nunca o saberemos!

Obrigado pela visita.

Um abraço

 
Às 28/1/06 23:46 , Anonymous Anónimo disse...

Eu sei quem sou e ela tambem!!!! passo para deixar um abraço...

osaldanossapele.blogs.sapo.pt

 
Às 28/1/06 23:51 , Blogger Pink disse...

Acho que acabas respondendo e definindo-te um pouco apesar da dificuldade que sempre há em nos definirmos, nos caracterizarmos ... Quem somos? Difícil a resposta.
Escreveste contudo um belo poema em que deixas entrever algo daquilo que és.

Um beijo

 
Às 29/1/06 01:21 , Blogger Amaral disse...

Um poema muito bem conseguido, muito intimista, muito "agressivo"… Quem somos???... O que somos???... Os teus versos finais dão a resposta: "Um dia… hei-de conhecer-me… Saberei então… que(m) sou…"
Todos nós… um dia...

 
Às 29/1/06 01:59 , Blogger Cristina disse...

Olá bufagato,
Quem és tu? Bem pelo que vejo e o que leio, és uma pessoa muito meiguinha e muito carente
:)
Tem um lindo domingo
Beijinhuu

 
Às 29/1/06 02:52 , Anonymous Anónimo disse...

Hello!
Recordas de mim?

 
Às 29/1/06 10:45 , Blogger Poesia Portuguesa disse...

"...E nessa dor maior, querer
Da vida que se exala, renascida
Tudo apreender, no aprender
Em cada amanhecer, da noite vencida!..."

...penso que és um ser com uma grande sensibilidade...segue-a e descobrirás, que todos os dias, descobrimos um pouco de nós mesmo...

Um abraço e bom domingo ;)

 
Às 29/1/06 10:46 , Blogger Menina Marota disse...

Assino por debaixo das palavras da poesia...

Um abraço e bom domingo ;)

 
Às 29/1/06 15:23 , Blogger Unknown disse...

Quem sou eu!!! eu sou a tua amiga que te considera e estima ;) beijinhos amigo e não apanhes frio :)

 
Às 29/1/06 16:55 , Blogger Nina disse...

Às vezes tb me faço essa pergunta...
Adorei o poema...

Beijinhos :)

 
Às 29/1/06 18:50 , Blogger Su disse...

adorei ler.te
quem és tu?
jocas maradas

 
Às 29/1/06 22:33 , Anonymous Anónimo disse...

BUFAGATO, estas são questões que por vezes colocamos a nós mesmos. No fundo todos os dias descobrimos coisas novas na nossa maneira de agir e reagir e depende muito do contexto do momento. O que eu penso de ti pela forma que escreves é que és uma pessoa extremamente sensível e inteligente, porque de carente sofre disso toda a gente. E feliz de todo aquele que tem dúvidas, porque ninguém é omniciente. Um abraço.

 
Às 30/1/06 00:53 , Blogger Fragmentos Betty Martins disse...

"Quem sou eu?"

Poema repleto de "vozes" que escutei com emoção...

"Num sentir em tudo diferente
Sem que seja indiferente…
Ao que se passa no presente

E ouve o coração, que não mente
E tudo… pressente"!

Beijinhos

Boa semana

 
Às 30/1/06 01:11 , Blogger Castor (moi-je...ehe, ehe) disse...

Então? Quem és tu? És o amigo Bufagato, gaita... tás amnésico ou quê? Não estás amnésico? Então? Estás quê?... eu também estou, mas é abananado com a minha vizinha de baixo, rôda-se! UGA!

 
Às 30/1/06 09:59 , Blogger wind disse...

As eternas questões:)

 
Às 30/1/06 10:32 , Blogger margusta disse...

Olá Luís,

...gostei de te ler nesta tua tentativa de viagem ao centro da alma...nesta introspecção feita poesia.

Posso dizer-te que para mim és um grande amigo e és tambem tudo aquilo que um ser humano deve ser...

És lindo...

Beijinhos e um bom ínicio de semana.

 
Às 30/1/06 10:49 , Blogger Claudia Perotti disse...

Um grão de areia? Jamais!
Você é um universo repleto de luz!

Boa semana!

Beijinhos

 
Às 30/1/06 14:02 , Blogger Rui Gonçalves disse...

Obrigado pela visita ao SOmbra do Deserto, que naturalmente retribui, com agrado, e gostei do aqui encontrei.
Prometo voltar.

Cumprimentos

 
Às 30/1/06 19:23 , Anonymous Anónimo disse...

De volta vim cá ler-te, matar saudades e deixar-te um beijo :)

Xiiiii, faço-me essa pergunta tantas vezes...

Lina/Mar Revolto

 
Às 30/1/06 23:17 , Blogger A .Carlos disse...

Olá amigo
desejo-te que nesta nova semana, continues a ser TU.
;)
Abraços

 

Publicar um comentário

Subscrever Enviar feedback [Atom]

<< Página inicial