28 maio 2006

Luís Monteiro da Cunha

A Raínha do Douro



Poema da minha autoria, publicado na edição de hoje, 2006-05-28,
no Jornal de Notícias, na secção do Leitor, P. 29, com foto da ponte e do metropolitano.



(A Rainha do Douro)
D. Luís a Ponte

De ti morreram-me saudades
Estás bela, remoçada na maquilhagem
Novo curso, te destinaram
Deixas de ser ponto de passagem
Dos veículos que te cruzaram

Apenas peões e metro ligam as margens
Tens rosto prazenteiro leve na aragem
Do batom soalheiro a cobrir a ramagem
És o Porto inteiro na hora das coragens

Velhos como os séculos, são os trapos
Porque remoçada, és mesmo linda
Pois percorrem-te a pé ainda
Na motivação citadina dos factos

E com desvelo te veneram
Acariciam o ferro de teu arco
Debruçados, o Douro avistam
Na travessia de cada barco

És do Douro a rainha
Ponte sublime e cuidada
Os tripeiros chamam-te sua
Quando há festa na rua
Nos festejos és folgada
Nessa festa também minha


© Luís Monteiro da Cunha


16 Comentários:

Às 28/5/06 15:43 , Blogger Luís Monteiro da Cunha disse...

Desculpem a euforia, até parece que é a primeira vez que me publicam...lol

Mas quem não gosta de ouvir o seu eco?!

Esta alegria deve-se oa facto de ter enviado o trabalho em Abril.
Já tinha pensado que não o publicariam...


Bom Domingo para todos

Abraços e beijinhos

Luís

 
Às 28/5/06 16:44 , Blogger Castor (moi-je...ehe, ehe) disse...

Muitos parabéns! Não é todos os dias que temos um compincha publicado... ehe,ehe,ehe... UGA!

 
Às 28/5/06 19:13 , Anonymous Anónimo disse...

... abraço especial, Luís... que te publiquem, muitas vezes mais!!!... Sherpas!!!...

 
Às 28/5/06 19:48 , Blogger lena disse...

até comprei o jornal Luís, que te publiquem muitas mais vezes

este poema está muito bom, muito bem conseguido

parabéns

até eu estou contente, sabe bem ler algo de quem se gosta publicado

Poeta o meu abraço e beijinhos meus

adorei!

lena

 
Às 28/5/06 22:09 , Anonymous Anónimo disse...

kerido Luís

parabéns!
o poema é muito bom
e
a imagem está bem apanhada.

é um orgulho poder conviver contigo.
vou comprar o jornal.
para ficar com um "recuerdo" teu.

jinhux létinha.

 
Às 28/5/06 23:27 , Blogger GNM disse...

Muitos Parabéns, meu amigo!

O poema está realmente
mt bom! Consistente!

Vais ver que ainda hás-de
publicar mts outros!

1 abraço

 
Às 29/5/06 09:50 , Blogger © Piedade Araújo Sol disse...

Luís

Parabens, amigo...

 
Às 30/5/06 10:01 , Blogger Papoila disse...

Parabéns Luís!
O poema à "nossa" Rainha do Douro merece todos os louros.
Beijo

 
Às 30/5/06 15:48 , Blogger agua_quente disse...

Merecidamente publicado. Parabéns! E que muitos se sigam.
Beijos

 
Às 30/5/06 17:49 , Anonymous Anónimo disse...

E cá temos o nosso próximo Fernando Pessoa :) é UM ORGULHO ser visitante neste blog. Parabéns e continua. Biejinho amigo***

 
Às 30/5/06 17:54 , Blogger Pérola disse...

Olá Luís!
Parabéns deram todos, eu apenas digo que o teu mérito foi reconhecido. A tua inspiração está no bom caminho (metro) certo, e por este andar, vais longe. Que as viagens continuem a dar-nos belos poemas.

 
Às 31/5/06 23:03 , Blogger S disse...

Muitos muitos parabéns Luis!
Que este seja o primeiro de muitos... aqui e naquele sítio...
Biejinho, S

 
Às 2/6/06 14:43 , Anonymous Anónimo disse...

Com as asas molhadas na areia da vida venho de metro até aqui para assistir à inauguração de um dos motivos de orgulho tripeiro, a Rainha do Douro, ah não é inauguração?! é publicação de mais um belo poema do Luís!!!Melhor ainda, será que mereço um autografo?! :)))Parabéns, sempre. Bom fim de semana.

 
Às 2/6/06 17:48 , Blogger zé das loas disse...

vivóooo, Poorrrrrrtooooo!, carago!

o poema merece...

abraços

 
Às 3/6/06 12:15 , Anonymous Anónimo disse...

é normal porque eu faço o mesmo com os meus artigo no DESTAK. Bom blogue, espero a sua visita também. cumprimentos.

 
Às 11/6/06 02:59 , Anonymous Anónimo disse...

Parabéns!Um poema lindisimo que é um hino a esse povo tripeiro.Abraço.

 

Publicar um comentário

Subscrever Enviar feedback [Atom]

<< Página inicial