28 janeiro 2007

Luís Monteiro da Cunha

Decoração no rosto


Foto: Luísmcunha/2006
Decoração no rosto


Encontrar-te é cada vez mais raro!
Serás espécie em vias de extinção.

És pessoa devotada – vida é fado
Espelhas no rosto o nobre coração.

Sei que sou um homem bafejado,
por essa amizade de eleição.

Nas horas rubras, és o ser dotado
da temperança, amor e emoção.

E costumo dizer-te: trazes no rosto,
espelhado, teu simples coração.

Ris com gosto, calas-te e falas
na serenidade da tua mão, sanas

o proposto. Sem discussão.


Luís Monteiro da Cunha

Etiquetas:

16 Comentários:

Às 28/1/07 14:44 , Blogger Luís Monteiro da Cunha disse...

A todas as amizades puras.
Aquelas (raras) que ainda nos contemplam a alma, com olhos de ver para além do visível.
Raras, mas felizmente, ainda existem.

Obrigado
e boa semana

Luís

 
Às 29/1/07 16:00 , Blogger Unknown disse...

Sinto me honrada por pertencer á tua lista de amizades, e me prendares com o conteúdo deste belo poema, pela minha parte obrigado Luís.

 
Às 29/1/07 16:03 , Blogger Unknown disse...

Sinto me honrada por pertencer á tua lista de amizades, e me prendares com o conteúdo deste belo poema, pela minha parte obrigado Luís.

 
Às 29/1/07 23:04 , Blogger Kalinka disse...

Amigo tenho vindo visitar-te de quando em vez, mas...tu não apareces no kalinka!!! fico triste

E…
aconteceu o jantar da comunidade blogueira.
Telefono e encontro-os ali na esquina
Apresentações, trocas de palavras
Confessionário do Dilbert, FairyFolk,
Choninha e marido.
Frio, muito frio, convida:entra no carro
Esperamos…
mais um telefonema
Todos querem saber como lá chegar
Todos ansiamos pelo encontro
Uns já lá sentados à mesa enorme
Esperando e questionando-se:
Quem são os novos bloguistas?
Da curiosidade fez-se realidade

...continuação lá no kalinka.
Beijos e abraços.

 
Às 30/1/07 19:40 , Blogger agua_quente disse...

Cada vez há menos pessoas assim. Cada vez é mais difícil encontrar amizades assim. Mas gostei muito de ler o teu poema.
Beijos

 
Às 31/1/07 01:06 , Blogger Castor (moi-je...ehe, ehe) disse...

tens spams no teu blog... credo...

 
Às 1/2/07 14:07 , Blogger AGLOCO disse...

Lê sobre o próximo grande BOOOM da Internet, no meu blog!

E se tiveres de acordo, associa-te.

Fica bem!

 
Às 1/2/07 21:26 , Blogger Unknown disse...

Que lindos sao os teus poemas, querido amigo!
Estive ausente por motivo de mudança (outra vez) mas vim cá deleitar-me com tuas palavras tao lindas... sempre!
Beijos!

 
Às 1/2/07 23:52 , Blogger Ofeliazinha disse...

Algo sereno para relaxar, apreciei.
Abraço.

 
Às 3/2/07 02:37 , Blogger Arte por um Canudo 2 (No Sapo) disse...

Que mais se pode dizer!..lindo!Simplesmente belo..É um prazer escutar (ler) teus poemas Luis.Bom Fim de Semana. Abraços

 
Às 3/2/07 04:10 , Blogger Mafalda Freire disse...

Será que estou incluida nesse grupo? Não tens aparecido no meu blog.. :S

É um bom poema a dedicar a amigos muito especiais e raros!

www.confissoesdeumasurda.blogs.sapo.pt

 
Às 3/2/07 04:23 , Blogger Páginas Soltas disse...

Que lindo poema!

Que grande inspiração!
Sublime!

Um bom fim de semana....e
Beijinho da
Maria

 
Às 3/2/07 21:20 , Blogger Dad disse...

Ó Luis! Entrar no teu blog agora é uma aventura!

Está tão complicado! Porquê esta horrível publicidade toda?

Passei muitas vezes sem conseguir. Passei agora e consegui entrar...coisas do Google...
Gostei do que li. É verdade, as amizades quando verdadeiras conseguem perscrutar a nossa alma...

Beijinho,

 
Às 5/2/07 18:18 , Blogger Vera Carvalho disse...

Olá Luís! Já tive a alegria de ler o teu poema na lista do grupo "Amante das leituras" e através do blog da Ana descobri o teu e quero dizer-te que a tua poesia é encantadora!Quem dera que pudessemos descrever todos os rostos como o fazes aqui, é verdade que eles ainda existem em inferior número por isso devemos preservá-los e honrá-los como tu o fazes!

 
Às 7/2/07 21:15 , Anonymous Anónimo disse...

Sem discussão...mais uma vez adorei passar por aqui, pois que, os amigos nem sempre são para as ocasiões ;)

 
Às 10/2/07 02:25 , Blogger Castor (moi-je...ehe, ehe) disse...

Com simplicidade se vão conquistando corações...abraço.

 

Publicar um comentário

Subscrever Enviar feedback [Atom]

<< Página inicial